Crato – CE – Romaria da Baixa Rasa começa hoje

Elizângela Santos Foto: Elizângela Santos

Centenas de cavaleiros saem de casa hoje, logo cedo, para cumprir mais um dia de tradição e fé. É a Romaria da Santa Cruz da Baixa Rasa, que acontece há mais de 200 anos na Floresta Nacional do Araripe. A festa tem o acompanhamento dos agentes ambientais para os devidos cuidados com a natureza.

Um clarão aberto no meio da mata densa e o destaque de uma pequena coberta com uma cruz pintada de azul embaixo. Homens e mulheres acendem suas velas. Uma missa é celebrada com a chegada dos cavaleiros.

Ainda de madrugada os cavaleiros partem de várias partes do Cariri e até de Pernambuco. É na divisa entre os dois Estados, na Baixa Rasa, que morreu de fome e sede um vaqueiro. Dias depois o corpo foi encontrado ao lado do cavalo magro, que continuou ao lado do dono. O local passou a ser reverenciado pela fé popular.

A fé do sertanejo faz com que a originalidade da festa da Cruz da Baixa Rasa se mantenha, dentro do seu caráter religioso e festivo. São cerca de 400 vaqueiros que participam todos os anos do cortejo e missa, ao meio-dia. O percurso é feito em duas horas. Com santos nas mãos e o gibão de couro, os homens simples sobem a serra.

Desde cedo crianças decidem acompanhar os pais. Uma forma de não deixar morrer os costumes. São os filhos dos vaqueiros. Há aqueles que preferem ornamentar o seu animal. O vaqueiro Inaldo Antônio de Amorim participa há mais de 12 anos. Ele vai com a esposa e filhos pequenos. Ainda sai animando os grupos para não deixar a tradição cair.

O vaqueiro destaca a alegria das pessoas ao fazer parte da romaria. Alguns dias antes acontecem as escolhas da Rainha da Baixada e da Rainha do Vaqueiro. As escolhidas saem na frente, numa charrete. Em seguida, os vaqueiros, todos caracterizados à frente do cortejo, com as imagens de Nossa Senhora Aparecida e a de São Jorge. A concentração em frente à igreja do Sítio Lameiro, em Crato, acontece desde cedo. Os gritos de aboio animam os integrantes.

Em cima da serra, os moradores da Baixa Rasa chegam logo cedo. As barracas com bebidas e comidas típicas são montadas. Na entrada da estrada de chão batido, os agentes ambientais controlam a entrada para não deixar entrar muitos veículos. Grande parte das pessoas percorre mais de dois quilômetros a pé, mata adentro, até chegar na localidade.

O vaqueiro desconhecido, que morreu provavelmente no ano de 1877, ficou perdido em meio à floresta. A animação fica por conta das comidas e bebidas típicas e dos grupos de cultura popular, fazendo reverência à santa cruz dando um tempero especial à tradição.

Aos que chegam depois de dois quilômetros de caminhada dentro da Floresta Nacional do Araripe, a satisfação de cumprir mais um ano de reza, com vela acesa, cumprindo o ritual e conservando a originalidade de um festejo secular.

MAIS INFORMAÇÕES

Casa Sede do Ibama-Cariri
Escritório do Ibama, Praça Filemon Teles, S/N, Bairro Pimenta
Telefones: (88) 3523.1999 / 3501.1702

Fonte: Diário do Nordeste

One response to “Crato – CE – Romaria da Baixa Rasa começa hoje

  1. nayandra silva barbosa

    minha mae morre de saudades dessa festa……

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s