NOTA DE ESCLARECIMENTO DA DIOCESE DE CRATO


Nota emitida pela Diocese de Crato em favor do nosso Bispo Diocesano, pai e pastor de todo o rebanho, desta porção do povo de Deus, que está no Cariri, esclarcendo e instruindo aos fiéis com a luz da verdade e o bem da caridade, em relação à matéria publicada pelo site “Juanorte”.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Vigário Geral da Diocese de Crato, o Chanceler do Bispado, o Coordenador Diocesano da Pastoral, o representante do Clero diocesano e sete dos oito Párocos e Administradores Paroquiais da cidade de Juazeiro do Norte vêm de público, em face da matéria veiculada na mídia regional, pela Internet, dita como EDITORIAL e sob a responsabilidade do mantenedor do site JUANORTE, na qual se fere de modo leviano e perverso a população cratense, a própria Diocese de Crato, a memória de pessoas já falecidas, a pessoa do Pastor diocesano, Dom Fernando Panico, e, por extensão, o seu clero, têm a declarar o que segue:

1) As afirmações feitas no referido texto são injuriosas e inverídicas na sua quase totalidade, tecidas de modo leviano e sob a forma de insulto;

2) O Bispo diocesano, na conformidade do Direito Canônico vigente na Igreja (cân. 381 c/c cân. 391) é constituído pelo Papa para “governar a Igreja particular que lhe é confiada”. Esse ato de investidura se dá pela Bula Pontifícia e a posse canônica;

3) No exercício desse múnus, cabe ao Bispo diocesano provisionar os párocos , administradores paroquiais e vigários paroquiais de acordo com as necessidades pastorais e circunstâncias que melhor atendam à Igreja, povo de Deus, mas também em vista do bem daqueles que são nomeados ou transferidos;

4) Compete ao Bispo Diocesano, ouvido o Conselho de Presbíteros e os próprios padres, designar ou transferir párocos, administradores paroquiais ou vigários paroquiais, observado o Direito Canônico, as normas emanadas da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB e aquelas postas pela própria Diocese;

5) A Diocese de Crato, na sua atual configuração, abrange trinta e dois (32) municípios e conta com quarenta e nove (49) paróquias e um (01) Santuário Eucarístico Diocesano, todas elas gozando de igual tratamento por parte da Cúria Diocesana;

6) As Paróquias, têm um único procedimento contábil e têm, para com a Diocese de Crato, iguais obrigações, sendo odiosa e injusta qualquer discriminação, pois o Direito da Igreja e as normas diocesanas não conferem diferença de tratamento entre paróquias;

7) Não sendo esta a primeira vez que setores da mídia investem de modo vil contra a Diocese de Crato e a autoridade diocesana com seu clero, fazendo circular matérias injuriosas sem, todavia, apresentar provas cabais e insofismáveis de suas afirmações, o nosso bom povo de Crato, de Juazeiro do Norte e de todo o Cariri, certamente saberá discernir com quem está a verdade;

8) Não podemos aquiescer com os maldosos comentários trazidos no referido editorial e que agridem de modo descabido a população de Crato, cidade sede da Diocese, inclusive promovendo acirramento de um bairrismo superado;

9) Reafirmamos e testemunhamos o amor e zelo pastoral que nosso Bispo, Dom Fernando Panico, há dez anos, dedica aos seus diocesanos e aos queridos romeiros e romeiras da Mãe das Dores e do Pe. Cícero Romão Batista, que afluem de todo o Nordeste;

10) O chamado ‘Processo de Reabilitação” do Pe. Cícero Romão Batista, ao contrário do que afirma o malfadado editorial do site JUANORTE, não foi iniciativa de Dom Fernando Panico, que ao assumir a Diocese em junho/2001 encontrou o assunto em andamento, por indagação da própria Santa Sé, via da Nunciatura Apostólica no Brasil;

11) A homilia de posse a 29.06.2001, as duas primeiras Cartas Pastorais, a sua ida até Roma com numerosa caravana de autoridades e amigos do Pe. Cícero, além de outras inúmeras manifestações de Dom Fernando Panico a favor da causa e da Nação Romeira, são a melhor demonstração da leviandade das acusações trazidas no referido editorial do JUANORTE.

12) Todo o texto aqui refutado denota o desconhecimento da realidade e das normas vigentes na Igreja e na Diocese de Crato, prestando-se tão somente a semear o joio entre nós.

ISTO POSTO, sentimo-nos no dever imperioso de vir em defesa da verdade e da justiça, REPUDIANDO as inverdades e acusações, prestando irrestrito apoio ao nosso Bispo diocesano, também para que o nosso povo, especialmente as populações de Crato, de Juazeiro do Norte, das demais paróquias da Diocese de Crato e a Nação Romeira, tenham a serenidade de saber do nosso zelo e retidão de nossas atitudes para com tudo aquilo que é da Igreja.

ASSINAM A NOTA:

Mons. Dermival de Anchieta Gondim – Vigário Geral da Diocese
Diác. Policarpo Rodrigues Filho – Chanceler do Bispado
Pe. Francisco Edimilson Neves Ferreira – Coord. Diocesano de Pastoral e Cura da Catedral – Crato
Pe. José Vicente Pinto de Alencar da Silva – Pároco de N. Sra. de Fátima/Crato e Representante do Clero
Pe. Francisco Luís dos Santos – Vigário Forâneo da Região Forânea II e Pároco de N. Sra. de Lourdes/Juazeiro do Norte
Pe. Joaquim Cláudio de Freitas – Pároco da Basílica Menor de N. Sra. das Dores/Juazeiro do Norte
Pe. Sebastião Monteiro da Silva – Vigário Paroquial na Basílica Menor/Juazeiro do Norte
Pe. Francisco Edvaldo Marques – Vigário Paroquial na Basílica Menor/Juazeiro do Norte
Pe. Antônio José Clementino – Vigário Paroquial na Basílica Menor/Juazeiro do Norte
Frei Raimundo Barbosa Filho, OFMCap – Pároco de São Francisco das Chagas – Franciscanos/Juazeiro do Norte
Pe. César Casetta, SDB – Pároco do Sgdo. Coração de Jesus – Salesianos/Juazeiro do Norte
Pe. Leonardo Pinheiro de Brito – Vigário Paroquial do Menino Jesus de Praga/Juazeiro do Norte
Pe. Adalmiran Silva de Vasconcelos – Vigário Paroquial do Menino Jesus de Praga/Juazeiro do Norte
Pe. Vaudênio Nergino Ferreira – Pároco de São João Bosco/jn
Frei Francisco Antônio Moreira da Silva, OFMCap – Adm. Paroquial de N. Sra. Aparecida / Juazeiro do Norte
por:Crato Noticias

2 responses to “NOTA DE ESCLARECIMENTO DA DIOCESE DE CRATO

  1. CONSIDERO DON FERNANDO UM GRANDE PASTOR QUE DEUS VOS ABENÇOE NA SUA CAMINHADA. JORGE DE PETROLINA PE.

  2. Felizes sois,quando vos injuriarem e vos perseguirem e, mentindo disserem todo o mal contra vós por causa de mim. Alegraivos e regozijai-vos, porque será grande a vossa recompensa nos céus, pois foi assim que perseguiram os profetas, que vieram antes de vós. ( Mateus 5 – 11,12.)

    Dom Fernando, o Sagrado Coração de Jesus vos ama e todo o povo de Deus também, a verdade é de Deus, pertence à Ele e aos que tem amor compreende e reconhece todo tipo de maldade e que esta não tem poder algum no projeto salvífico de Deus, conhecemos o seu compromisso de pastor já desde, os felizes tempos em que nos orientou e nos fortaleceu como comunidade viva e unida para Cristo, ainda como sarcedote na década de 80. A comunidade de São Bernardo – São Luis – Ma, reza ao Sagrado Coração de Jesus para que lhe conceda sempre a Alegria, o Amor e a Paz em Cristo. Amém.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s