Fortaleza – CE – Crime causa tumulto ao lado do Mercado Central


Fernando Barbosa Foto: Lucas Menezes
O ex-presidiário Reginaldo Damião dos Santos, 45, foi assassinado, na manhã de ontem, por um adolescente de 16 anos quando trabalhava como vendedor ambulante no Centro. O crime de morte ocorreu em plena Avenida Alberto Nepomuceno, embaixo do viaduto da Avenida Alberto Nepomuceno, praticamente na porta do Mercado Central. Na hora do crime, a área estava tomada por vendedores de confecções que atuam na conhecida Feira da (Rua) José Avelino.

O assassinato do ambulante agravou o trânsito caótico que é registrado diariamente naquele setor a da Capital. Houve tumulto, corre-corre e até gritos de que estava ocorrendo um ´arrastão´.

Bala

Reginaldo Damião dos Santos recebeu um tiro de revólver, calibre 38, disparado por um adolescente. Conforme a Perícia Forense, a vítima foi atingida por trás, do lado esquerdo do pescoço, tendo morte imediata e caiu sem vida na entrada do estacionamento do Mercado Central.

Após o crime, o adolescente saiu correndo em direção à Praça da Sé e chegou a apontar a arma para um agente de trânsito, mas não atirou porque percebeu que ele estava desarmado. A Polícia Militar foi acionada rapidamente por populares.

O infrator acabou sendo apreendido por uma patrulha da 5ª Companhia do 5ºBPM. Quando foi detido, nas cercanias da Catedral Metropolitana de Fortaleza, ele ainda portava a arma, que tinha um cartucho deflagrado e cinco intactos.

O acusado foi encaminhado ao 34ºDP (Centro), entretanto logo transferido para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA). Ele confessou que, recentemente, matou o filho de Reginaldo e resolveu também matá-lo porque temia vingança.

Traficante

Segundo a Polícia, Reginaldo Damião dos Santos, o homem assassinado, havia sido condenado duas vezes por tráfico de drogas e outra por uso de substância entorpecente. Desde que saiu da prisão, passou a vender confecções no Centro.

No momento em que foi baleado, ele estava com uma sacola cheia de peças de confecções moda de praia. O perito forense Cordeiro Lima informou que nenhum tipo de droga foi encontrado no meio da mercadoria.

Centro

Com o episódio de ontem, subiu para 27 o número de homicídios ocorridos, neste ano, no Centro de Fortaleza. Há duas semanas, dois homens foram mortos no bairro no intervalo de apenas 20 minutos. Roberto Cláudio Rodrigues Castro foi morto na Rua Liberato Barroso. Em seguida, José Edvando de Oliveira, na Praça Castro Carreira (da Estação).

Fonte: Diário do Nordeste

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s