Daily Archives: 8 de Julho de 2010

PT vai vender bonecos de Lula para arrecadar mais

Foto: Letícia Sander/Folhapress

O PT planeja usar nesta eleição instrumento inédito de marketing e arrecadação de fundos: bonecos de Lula a serem vendidos nas lojas do partido e em eventos da campanha.

Segundo o “Painel” da Folha, levada ao secretário de Comunicação, André Vargas, por um petista de Santa Catarina, a ideia dos “Lulinhas” teve boa acolhida dentro da sigla, que agora estuda como produzi-los em massa.

Feitas de material sintético, as miniaturas medem cerca de 15 centímetros e já existem em duas versões: numa, o presidente está de terno azul e gravata verde e amarela; noutra, veste a camisa 13 da seleção.

Os petistas já discutiram até o preço do boneco: R $ 5.

Fonte Folha.com

Governo federal gasta R$ 15,5 milhões para promover Brasil durante a Copa-2010

O governo federal gastou cerca de R$ 15,5 milhões com shows de axé e ações promocionais, além de hotel e passagem, para pelo menos 60 servidores irem à África do Sul com o pretexto de promover o Brasil durante a Copa.

O principal evento promovido pelo governo brasileiro acontece hoje, quando o presidente Lula e um batalhão de assessores desembarcam na África do Sul para assistir à cerimônia de lançamento do logo da Copa-2014.

Além de Lula, os ministros das Relações Institucionais, do Turismo e do Esporte também foram à Copa representar o Brasil. Na média, o governo brasileiro gastou R$ 520 mil para cada dia da Copa, ou R$ 21 mil por hora.

O maior gasto foi com o projeto Casa Brasil, centro nervoso do governo federal na África do Sul, que custou R$ 10 milhões, divididos igualmente entre quatro ministérios: Esporte; Desenvolvimento, Indústria e Comércio; Ciência e Tecnologia; e Turismo. De acordo com o Ministério do Esporte, o dinheiro foi gasto na estrutura e manutenção do espaço.

No local, 37 servidores trabalharam durante a Copa –foram enviados à África do Sul para falar de turismo, ciência e cultura brasileira.

Localizada em um dos centros de convenções mais luxuosos de Johannesburgo, a Brazil Sensational Experience foi aberta no dia 15 de junho e só fechará as portas no final de semana.

A casa tem 3.000 m e conta com bares e exposições de artistas nacionais e de tecnologia nacional. As 12 cidades que terão jogos em 2014 estão representadas no espaço. A casa ficou fechada ontem para preparar o evento de hoje.

O envio dos 60 servidores para todos os eventos promovidos pelo governo custou R$ 627 mil em passagens, e o governo estima gastar R$ 265 mil em diárias. Na média, cada servidor permanecerá na África do Sul por 18 dias.

O governo gastou ainda outros R$ 99 mil com distribuição de 5.000 bolas, bonés e bandeiras, produzidos por presidiários brasileiros.

Além da Casa Brasil, foram enviados 16 policiais federais e membros do Ministério da Justiça para observarem o esquema de segurança da Copa. Parte das despesas foi bancada pela África do Sul.

Em todos os casos, o governo brasileiro nega que o dinheiro público tenha sido usado para proporcionar que servidores da cúpula dos ministérios assistissem a jogos da Copa. A exceção é a Caixa Econômica Federal.

A estatal gastou R$ 125 mil para que cinco funcionários seguissem grupo de premiados pelo banco e vissem pelo menos dois jogos do Brasil.

Depois da Casa Brasil, o principal gasto do governo foi com shows de axé. Foram usados R$ 4 milhões para que Olodum, Samba Nagô e a bateria da Portela fossem à África representar a cultura do país. O projeto ainda teve palestras e oficinas de artes com temática carnavalesca, capoeira, percussão e dança.

Para garantir que tudo funcionasse bem, o Ministério da Cultura enviou três servidores para a África.

OUTRO LADO

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, defendeu ontem o gasto milionário do governo federal na realização da série de eventos na África do Sul durante a Copa-2010.

“O custo é pequeno em relação ao sucesso que aconteceu”, declarou Barretto.

Ele citou que somente a Casa Brasil recebeu 16 mil pessoas em quase um mês de funcionamento, sendo cerca de 500 jornalistas. No total, visitantes de 93 países passaram pelo espaço.

O Turismo dividiu com outros três ministérios os custos da Casa Brasil na África, orçados em R$ 10 milhões.

“O saldo foi superpositivo. Além de promover os destinos turísticos, conseguimos passar uma imagem de que o Brasil não é só samba e futebol. Mostramos o nosso lado tecnológico e outras coisas”, afirmou o ministro, que amanhã lança a nova campanha internacional do Brasil.

O ponto alto será a exibição de um filme dirigido por Fernando Meirelles, que vai ser exibido nos canais fora do país. A primeira exibição será logo após o encerramento da final da Copa do Mundo.

Anteontem, o movimento na Casa Brasil era pequeno. Menos de cem pessoas visitaram o local durante a hora em que a Folha esteve lá. Jornalistas de cinco emissoras internacionais –incluindo a BBC –produziam reportagens sobre a casa.

Fonte Folha.com

Barro-CE: Agricultores são presos com armamento e munição em suas residências

Demontier Tenório

Dois agricultores foram presos na tarde desta quarta-feira na zona rural de Barro com armas e munição em suas residências. A primeira descoberta se deu por volta das 15 horas no Sítio Prazeres, onde a polícia recolheu Felizardo Martins Neto, de 38 anos, ali residente. Ele possuía em casa um rifle calibre 22 desmuniciado, uma espingarda calibre 20 com dois cartuchos intactos e cinco deflagrados, bem como um revólver calibre 32 desmuniciado.

Ainda em Barro foi preso, também, por posse ilegal de arma de fogo o agricultor Raimundo Nonato de Sousa, de 68 anos. Na sua casa os PMS encontraram uma espingarda calibre 12 e dois cartuchos. A operação foi coordenada pelo Sargento Ferreira auxiliado pelo Cabo Marcos e o Soldado Alfredo, bem como militares da 2ª Seção da Paraíba pertencentes ao 6º BPM. A dupla e as armas foram levadas para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Brejo Santo.

Santana do Cariri-CE: Museu de Paleontologia será reaberto

Antônio Vicelmo

O Museu de Paleontologia de Santana do Cariri, da Universidade Regional do Cariri (Urca), será reaberto amanhã, às 17 horas, depois de um ano fechado para reformas. A reinauguração contará a presença do secretário da Ciência e Tecnologia de Ensino Superior do Estado (Secitece), René Teixeira Barreira, e autoridades caririenses.

O Museu passou por uma ampliação e modernização do ambiente. Como parte da obra, várias peças foram restauradas e voltarão a ser expostas, bem como as réplicas em tamanho natural dos dinossauros e pterossauros. O espaço ganhou também uma central de ar para receber melhor os visitantes.

Espaços

Agora, o Museu contará com uma sala de videoconferência, mais uma biblioteca, elevador, loja de lembranças e coisas do gênero e mais salas para servir de depósito de fósseis que não ficam expostos.

De acordo com o vice diretor do Museu de Paleontologia, João Kerensky, a partir da próxima semana o local estará aberto à visitação, de terça a sábado, das 9 às 17 horas e, aos domingos, das 9 às 14 horas.

O Museu de Paleontologia de Santana do Cariri abriga um acervo pertencente a maior jazida fossilífera do Brasil, a formação Santana, na Chapada do Araripe. No local está guardada a maior coleção de fósseis do Período Cretáceo, datados de cerca de 100 milhões de anos. É considerado um importante centro de estudos e, também, pesquisas científicas relacionadas à Paleontologia.

A reforma e ampliação do Museu, segundo o professor Plácido Cidade Nuvens, reitor da Urca, atendem ao sentimento do crescimento da Paleontologia na região, o que torna obrigatória a construção de um prédio de instalações adequadas, com boa infraestrutura e condições condizentes para exposição do acervo disponível.

Com as reformas, foram incorporadas ao acervo do Museu as árvores fossilizadas encontradas nas escavações da Ferrovia Transnordestina, perfazendo um total, de acordo com o reitor, de 10 mil peças.

Juazeiro do Norte-CE: Entidades temem interdição do Aeroporto

Foto: Elizângela Santos

Problemas de infraestrutura e burocráticos, que impedem o crescimento no Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, neste Município, serão levados às ruas por meio de mobilização, por parte da sociedade local e instituições como a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Sindilojas, Frente Municipalista de Prefeitos do Sul do Ceará e Cariri Shopping. As entidades temem interdição futura do aeroporto, caso não ocorram as reformas.

Atualmente, o equipamento funciona com restrições na pista, com capacidade de resistência inferior ao que realmente tem, simplesmente pela falta de reconhecimento por parte da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), para que haja homologação. A pista foi reformada em 2003. Este ano, está previsto na emenda no orçamento da União, o investimento de R$ 27,5 milhões no local. O risco de mais uma vez perder o investimento preocupa a sociedade.

Até dois anos atrás, havia a perspectiva de investimento de R$ 30 milhões no local. Seriam R$ 10 milhões, por meio de proposta no orçamento federal, e mais R$ 20 milhões da Infraero. A proposta não passou, e, segundo o vice-prefeito de Juazeiro, José Roberto Celestino, isso acaba inviabilizando que outras propostas sejam feitas do ponto de vista legal, já que em mais um ano, a cidade está prestes a perder mais outra proposta.

O vice-prefeito, que passou pela presidência da CDL, afirma estar solidário à manifestação, no sentido de chamar a atenção para esses problemas, já que foram buscadas todas as formas de reivindicação e tudo continua praticamente na mesma situação. Por conta disso, é necessária a revitalização e a homologação da pista, para suportar pelo menos o Boeing 767-300, que opera com cerca de 144 passageiros. A restrição faz com que as aeronaves operem com 85 passageiros, causando prejuízos às empresas e à própria região, que tem tido um aumento constante em relação à demanda por voos. O crescimento tem sido registrado anualmente.

Segundo o superintendente do Aeroporto, Roberto Germano Sousa Araújo, toda a documentação prevista para homologação da pista já foi enviada para a Anac, mas até o momento a única resposta é que o material está sendo avaliado. Ele afirma que o Número de Classificação do Pavimento atual é de 32, mas oficialmente reconhecido como de 29. Com a alteração, as aeronaves poderão ter a sua carga praticamente total, com cerca de 140 passageiros.

Documentação

Ele afirma que a pista está totalmente pronta, mas o Estado deverá reconhecer e repassar o restante da documentação, já que antes havia convênio entre o Estado e a Aeronáutica, que formalmente ainda não foi desfeito, para que o Aeroporto seja administrado até o ano de 2012, com outorga da Aeronáutica para o Governo cearense. O processo de absorção pela Infraero começou em 2001.

Mesmo assim, segundo ele, a Infraero se adiantou e enviou a documentação solicitando a liberação da pista por parte da Anac. Ainda neste segundo semestre, serão investidos no local cerca de R$ 2,8 milhões, para construção dos módulos operacionais, aumentando as áreas de embarque, desembarque, melhoria na área de lojas e banheiros, pela ausência de espaço no atual. O estacionamento também não corresponde e está aquém da demanda. São quatro voos diários para as principiais praças do País. Já chegou a ter seis voos.

Até o momento, conforme Roberto Germano, não houve nenhuma ação no sentido de fechamento do aeroporto e as empresas não se manifestaram em relação a ter que parar de operar. São dois voos diários pela Gol e outros dois por meio da Avianca. A diretora da CDL de Juazeiro do Norte, Limadri Vieira Santos, afirma que o intuito da manifestação é chamar a atenção das autoridades sobre a precariedade atual do aeroporto, para uma região que tem se desenvolvido e mostra um potencial que requer serviços qualificados neste setor. Ela destaca o crescimento nas universidades, turismo e setores como a saúde, que requerem serviços qualificados de transporte, que atenda à grande demanda regional e de estados vizinhos.

Para Celestino, a grande preocupação reside na modernização do setor e que o aeroporto perde a cada ano, por não investir em melhorias e novas tecnologias de operação. Ele destaca que, de 2003 até 2009, o aeroporto cresceu à taxa geométrica de 28% ao ano. “Apesar da defasagem tecnológica da pista e do terminal de passageiros, atingiu um crescimento de 100 % em setembro de 2009, em comparação ao ano anterior, tendo transportado 247.696 passageiros em 2009, cinco vezes sua capacidade instalada à época, de 50 mi passageiros por ano”. Ele diz que o movimento supera os de Joinville, Boa Vista, Petrolina, Campina Grande, Parnaíba, e equipara-se em ordem de grandeza ao de capitais como Palmas, Macapá e Rio Branco. Ressalta, ainda, que, em tese, com toda a limitação da pista, transporta mais carga doméstica do que Petrolina.

Com prisão decretada, goleiro Bruno e amigo se entregam no RJ

O goleiro Bruno Souza, do Flamengo, foi levado no início da noite desta quarta (7) para a Divisão de Homicídios da Polícia Civil do Rio de Janeiro, na Barra da Tijuca. Na sua chegada, o jogador rubro-negro foi insultado por cerca de 200 curiosos que o chamavam de assassino. No trajeto de 55 minutos entre a Polinter, no Andaraí, e a delegacia, o goleiro do Flamengo ficou quieto.

Bruno, juntamente com Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, chegou à Divisão de Homicídios às 19h13. Ambos, que não estavam algemados, já estão prestando depoimento. Depois de serem ouvidos, eles vão fazer exame no Instituto Médico Legal (IML). Ainda não está decidido se os dois ficarão presos no Rio de Janeiro ou em Minas Gerais. Um avião de pequeno porte está posicionado no aeroporto Santos Dumont à espera da possível transferência dos suspeitos.

Eles se entregaram no final da tarde após terem tido a prisão temporária decretada pela acusação de atrapalhar a investigação sobre o desaparecimento de Eliza Samudio, ex-namorada de Bruno. O delegado titular da Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, Felipe Ettore, informou que o atleta do Flamengo está sendo indiciado pelo sequestro de Eliza. Já em Minas, o indiciamento é por assassinato.

“O Bruno está sendo indiciado pelo sequestro de Eliza Samudio por ser o mandante intelectual do crime. A pena é de até três anos de reclusão. Pela polícia de Minas Gerais, ele está sendo indiciado por assassinato, com pena de 12 a 30 anos”, disse. Felipe Ettore afirmou ainda que Macarrão e o menor de 17 anos, primo do goleiro rubro-negro, foram indiciados por execução do sequestro.

Também foi decretada a prisão da mulher de Bruno, Dayanne de Souza, que foi detida nesta manhã em sua casa, em Belo Horizonte. Na noite desta quarta, ela foi levada para a penitenciária Estevão Pinto. Além de Bruno, Dayanne e Macarrão, são alvo de mandados de prisão: Flávio Caetano Araújo (amigo de Bruno), Wermerson Marques de Souza, conhecido como Coxinha (amigo de Bruno), Elenílson Vitor da Silva (administrador do sítio de Bruno) e Sérgio Rosa Salles Camilo (primo de Bruno).

Fonte UOL