Daily Archives: 23 de Fevereiro de 2011

Pai acusado de abusar da filha por 12 anos e ter 2 filhos com ela é preso no Maranhão


Um homem de 50 anos foi detido no Maranhão acusado de abusar sexualmente durante 12 anos de sua filha, com quem teve dois filhos e era mantida em cárcere privado, informou nesta quarta-feira a Polícia.

Raimundo Vicente Barbosa da Silva, que foi preso na terça-feira em uma zona rural de Pirapemas, a 190 quilômetros de São Luís, abusou sexualmente de sua filha desde que ela tinha 14 anos e teve dois filhos-netos, uma menina que atualmente tem cinco anos e um bebê de dois meses.

Em sua declaração perante a Polícia, que foi alertada do caso por várias denúncias anônimas, o acusado confessou os fatos.

A filha, que agora tem 26 anos e recebe tratamento psicológico, relatou à Polícia que sua mãe “a abandonou com os quatro irmãos, aos 11 anos, e desde os 14 anos era mantida em cárcere privado e sofria abusos do pai”, disse Leonardo do Nascimento Diniz, responsável pela investigação do caso, ao portal de notícias “G1”.

A jovem, que teve a sua primeira filha aos 22 anos, deu a criança mais velha para adoção, que agora é procurada pelas autoridades, enquanto a outra permanece com ela, segundo a Polícia.

O caso foi anunciado menos de um ano depois que o pescador José Agostinho Bispo Pereira, que vivia em uma região afastada do município de Pinheiro, também no Maranhão, fosse detido por abusar durante 12 anos de sua filha, com a qual teve sete crianças.

Bispo Pereira foi assassinado este mês durante uma rebelião dos detentos em uma prisão de São Luís, onde estava preso.

“Vemos que no interior do Maranhão, os autores destes crimes encaram a situação com naturalidade, e inclusive as vítimas se acomodam, em algumas ocasiões, a seu estilo de vida”, disse o delegado policial Jair Lima de Paiva Júnior, citado pelo “G1”.

Fonte: EFE

Emboscada mata o pai e deixa duas crianças baleadas em Arapiraca (AL)


Um atentado registrado pela polícia, na noite desta terça-feira (23), na cidade de Arapiraca, deixou três pessoas feridas, entre elas duas crianças de oito e nove anos. O pai dos meninos, identificado por Irandi Cardoso da Costa, 30, foi morto a tiros.

A emboscada ocorreu na avenida Ceci Cunha, no bairro Novo Horizonte, no momento em que as vítimas estavam no automóvel Corsa, de cor azul e placa MYC 3088/AL, que era conduzido pelo servidor público Irandi Cardoso.

Os meninos Iranilson Cardoso da Costa, 8, e Iranildo Cardoso da Costa, 9, foram baleados. Um quarto ocupante do veículo, Kleber Cristine Tavares de Oliveira, 21, também ficou ferido.

Segundo a polícia, os disparos foram deflagrados por dois homens que estavam em uma motocicleta Honda CG, de cor preta. A polícia trabalha também com a hipótese de tentativa de assalto. Mas o real motivo dos disparos somente serão revelados após o fim das investigações.

Os quatro ocupantes do veículo foram socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a Unidade de Emergência do Agreste, mas Irandi Cardoso não resistiu e acabou morrendo.

Na manhã desta quarta-feira (23), será instaurado inquérito policial na Delegacia Regional de Arapiraca. Ainda não há pistas dos assassinos.

Fonte: TudonaHora.com.br

Por erro médico, adolescente receberá pensão até os 70 anos


Um adolescente de 17 anos será indenizado por um erro médico que lhe tirou o movimento do pé direito. De acordo com a sentença, divulgada nesta quarta-feira pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais, W. G. S. vai receber uma indenização de R$ 54 mil por danos morais, mais uma pensão mensal de 2/3 do salário mínimo até completar 70 anos.

O garoto afirmou no processo que, em maio de 2003, aos 9 anos, passou por uma cirurgia no Hospital Infantil Santa Terezinha para retirar um cisto na perna. Durante o procedimento, o médico teria cortado um nervo errado, e a partir de então o garoto teria perdido totalmente os movimentos do pé direito, e por isso hoje tem “permanente dificuldade de locomoção motora”.

De acordo com o processo, o médico cirurgião afirmou que o acidente ocorreu devido à complexidade da cirurgia, porque o nervo estava sendo pressionado pelo cisto. O advogado de defesa do hospital, também implicado no processo, alegou que a instituição não deveria ser responsabilizada pelo erro de um profissional autônomo.

O relator do recurso, desembargador Arnaldo Maciel, primeiramente entendeu que o adolescente não havia conseguido demonstrar que o erro fora causado pela cirurgia. Porém o revisor do recurso, desembargador Guilherme Luciano Baeta Nunes, concluiu que o rompimento poderia ter sido evitado se o cirurgião houvesse agido com mais cuidado. O hospital vai arcar com metade dos custos da pensão; a outra metade caberá ao médico. Ainda cabe recurso.

Fonte: Terra

Missão Velha-CE: Aposentado é atropelado por caminhão e morre a caminho do hospital


Fonte:Miséria Demontier Tenório

Um acidente de trânsito com vítima fatal foi registrado por volta das 08h30min desta quarta-feira na Avenida Coronel José Dantas no município de Missão Velha. O aposentado Valdemiro Tavares Muniz, de 76 anos, residia na Rua Euzianio Gomes Leitão, 151, no centro daquela cidade e foi colhido por um veículo ao tentar cruzar a avenida no trecho em frente a Escola Stênio Dantas.

Quando ia passando, o idoso terminou sendo atropelado por um caminhão de cor branca e placas NUV-4286, inscrição de Missão Velha. Ele tombou agonizando na estrada, enquanto o motorista abriu a porta do carro e empreendeu fuga abandonando o mesmo. Populares trataram de socorrer Seu Valdemiro para o Hospital Santo Antonio de Missão Velha onde já chegou sem vida.

A polícia foi acionada e esteve no local quando recolheu o caminhão para o pátio da Delegacia Municipal de Missão Velha. Antes, diligenciou em algumas áreas próximas na busca de informações sobre o paradeiro do motorista. A polícia ainda não tem a sua identificação o que vai tentar através da placa do veículo. O corpo do aposentado foi Trazido para ser necropsiado no Instituto Médico Legal (IML) de Juazeiro do Norte.

Beija-Flor visita a casa onde Roberto Carlos morou na infância


Terra.com.br Foto: Divulgação

Integrantes da Beija-Flor estão em Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo. Na noite de ontem. Os sambistas fizeram um ensaio na cidade e participaram da inauguração dos grafites nas paredes da Rua do Rei. Encomendados pela prefeitura, os desenhos fazem alusão aos 70 anos do cantor, que serão completados em abril.

Na manhã de hoje, eles animaram a inauguração de uma pracinha, em frente a casa em que Roberto Carlos morou na infância, na Rua João de Deus Madureira,

A casa foi aberta ao público, para visitação, e todos puderma conferir a verdadeira simplicidade do Rei, como remete o título do enredo da Beija-flor, neste Carnaval.

“O chão de tábua corrida, a escrivaninha, fogão de lenha, tudo muito simples e comovente”, disse um integrante da escola a O Fuxico.

Juazeiro do Norte-CE: Polícia já prendeu um e procura os outros dois suspeitos de matarem Leo Boca de Lata


Fonte:Miséria Demontier Tenório Foto: Chinês

Momentos após o assassinato de Leonardo Gonçalves Matos, de 22 anos, o “Léo Boca de Lata”, que residia na Rua José Marrocos, 1056 (Bairro Santa Tereza), a Polícia Militar prendeu um dos três suspeitos de envolvimento no crime. Luiz Paulo Almeida Alves, de 23 anos, mais conhecido como Paulista, residente na Rua Construtor José Sabino, 24, (Antônio Vieira), se refugiou na casa de Cícero Ferreira da Silva na Rua Monsenhor Lima, 150, Vila Santo Antônio. Ele ainda tentou escapar da polícia pulando muro de residências, mas não obteve êxito.

Paulista já responde por homicídio, receptação, tráfico, porte ilegal de arma e furtos. Nas imediações de onde foi preso, a polícia encontrou o veículo Celta de cor preta, ano 2006, e placas NGG-2542, inscrição do Ceará, usado no homicídio. Nele, há uma perfuração à bala do lado esquerdo acima do pneu traseiro. O acusado foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil, mas, como se reclamava de dores no braço esquerdo, terminou levado ao Hospital Tasso Jereissati retornando às 17 horas ao cárcere.

A polícia já tem os nomes dos outros dois envolvidos que estão foragidos, mas preferiu não declinar. Léo Boca de Lata foi morto por volta das 13h30min na Rua Rui Barbosa entre as ruas São Pedro e José Marrocos. Ele estava com sua mãe, Flávia Maria Gonçalves dos Santos, de 37 anos, que saiu lesionada no ombro esquerdo e abdômen, sendo levada para o Hospital Santo Inácio e submetida a uma cirurgia. Ela já responde por três ameaças, dois desacatos, resistência e danos.

Também se encontrava na companhia de mãe e filho, Paulo Victo Lopes Monteiro, de 23 anos, que foi atingido superficialmente no antebraço esquerdo e levado para prestar esclarecimentos na delegacia após ser medicado. O veículo Ford Fiesta de cor prata, ano 2004, no qual trafegavam, era dirigido por João Custódio da Silva Neto que saiu ileso. Cerca de 40 minutos antes, este carro havia sido abordado para averiguações policiais no cruzamento das avenidas Salgueiro e Ailton Gomes (Pirajá).

Naquele momento se encontrava no veículo, Leandro Alves do Nascimento, de 24 anos, mais conhecido como Faísca, o qual já responde por dois homicídios e três roubos, além de tráfico de drogas e porte ilegal de armas. No complemento do trabalho, a polícia levou Faísca até sua residência onde encontrou quatro cartuchos de revólver calibre 38 e terminou preso. Por isso, não estava no veículo na hora dos disparos, pois ficou preso enquanto os demais ganharam liberdade.

Nordestino afirma que foi espancado perto da av. Paulista em São Paulo


Um empresário de 59 anos afirma que foi espancado na madrugada do último domingo na região da avenida Paulista por ao menos seis jovens que ele diz não conhecer.

Segundo a vítima, as agressões aconteceram porque ele é nordestino. A vítima, o maranhense João Batista Reis Freitas, diz que foi agredido quando passava a pé pelo cruzamento da rua da Consolação com a alameda Santos.

“Não tentaram me roubar nem me disseram nada antes das agressões. Simplesmente começaram a me bater sem nenhum motivo.”

Desde novembro do ano passado, a região da avenida Paulista tem sido palco de várias agressões contra pedestres. Quatro jovens foram detidos em uma unidade da Fundação Casa (ex-Febem) por agredirem três pessoas.

Fonte: Folha.com

Cancelados 270 mil benefícios do Bolsa Família


Mais de 273 mil famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza deixaram de receber o benefício do Bolsa Família este mês. Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), 273.263 inscritos no programa de transferência de renda tiveram seus benefícios cancelados porque não atualizaram os dados cadastrais no prazo previsto, que terminou no último dia 31 de dezembro.
Estado com o maior número de famílias selecionadas para renovar seus dados, São Paulo também registrou o maior número de cancelamento de pagamentos, com 37.264 benefícios suspensos. Em seguida vêm o Rio de Janeiro (23.842) e Minas Gerais (23.076). Este ano, o Bolsa Família irá atender a 12,9 milhões de famílias, liberando cerca de R$ 13 bilhões.

Segundo o MDS, o cancelamento não é irrevogável, já que as famílias com perfil socioeconômico para participar do programa podem voltar a se inscrever. O valor do benefício varia entre R$ 22 e R$ 200, conforme a renda familiar e a quantidade e idade dos filhos. O programa também procura garantir o acesso a direitos básicos nas áreas de educação, saúde e assistência social e proporcionar meios para que os beneficiários consigam superar a situação de vulnerabilidade.

O recadastramento é periódico, dura praticamente todo o ano e funciona como instrumento de controle e monitoramento do programa. Este ano, mais de 1,3 milhão de famílias terão que procurar a prefeitura de suas cidades até 31 de outubro próximo e renovar os dados cadastrais. As famílias selecionadas estão sendo avisadas por meio do extrato de pagamento de seus benefícios. Além do recadastramento, para continuar recebendo os valores a que têm direito os beneficiários tem que manter os filhos na escola e a agenda de saúde em dia

Fonte: Agência Brasil

OAB já havia alertado secretário sobre vídeo no caso de escrivã revistada


A OAB-SP (Ordem dos Advogados do Brasil) já havia alertado em novembro de 2010 autoridades do Estado de São Paulo sobre o vídeo que mostra delegados da Corregedoria da Polícia Civil despindo, durante uma revista, uma escrivã suspeita de corrupção.

Mesmo com o alerta de Luiz Flávio Borges D´Urso, presidente da OAB-SP, a Secretaria da Segurança Pública só afastou os três delegados anteontem, após a divulgação do vídeo de operação, ocorrida em junho de 2009.

Os delegados afastados Eduardo Henrique de Carvalho Filho, Gustavo Henrique Gonçalves, Emílio Antonio Pascoal e Renzo Santo Barbin negam o abuso.

Hoje, segundo Marcos da Costa, vice-presidente da OAB-SP, a entidade irá pedir novamente esclarecimentos sobre os ofícios enviados.

A Secretaria da Segurança Pública, por meio de nota oficial, disse que o secretário, Antonio Ferreira Pinto, recebeu o material enviado pela OAB da Casa Civil do governo em 22 de dezembro.

“Ao identificar o material como sendo de interesse da Corregedoria da Polícia Civil, Ferreira o enviou para este órgão em 22/12/10, cumprindo sua obrigação funcional.”

Ainda segundo a nota, o “secretário não assistiu o conteúdo do vídeo naquela ocasião e, na data em que o vídeo chegou à secretaria, o fato já havia sido investigado pela Corregedoria e arquivado pelo juiz em 19 de novembro de 2009”.

Anteontem, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) disse que o vazamento do vídeo na internet era “grave”.

Na nota, a assessoria afirma ainda que o secretário oficiou o Ministério Público Estadual, “manifestando perplexidade com o arquivamento do caso.”

Fonte: Folha.com

Justiça de Santa Catarina bloqueia R$ 4,5 milhões da Oi


Folha.com

A Justiça de Santa Catarina determinou o bloqueio de R$ 4,5 milhões de conta corrente da Oi, por descumprir medida liminar e deixar sem serviço telefônico cerca de cem casas nas cidades de Seara, Xavantina e Arvoredo (oeste do Estado).

Em setembro passado, a Justiça deu à empresa 30 dias para restabelecer o serviço, sob pena de multa diária de R$ 50 mil, valor que depois subiu a R$ 100 mil, devido ao descumprimento da ordem. Os bens bloqueados por decisão do juiz Rafael Germer Condé correspondem ao valor acumulado das multas.

Segundo o promotor Eduardo Sens dos Santos, as casas estão há mais de um ano e meio sem telefonia fixa ou com linhas instáveis, o que vem causando prejuízos em atividades econômicas da região, como a suinocultura e a avicultura. Na ação civil pública proposta em abril de 2010, Santos diz que os problemas começaram quando a empresa mudou o sistema telefônico na comarca para o GSM (sistema global para comunicações móveis), que é mais avançado, mas tem sinal instável em áreas distantes e requer adaptação das antenas receptoras.

Segundo o promotor, a empresa deveria arcar com os custos das alterações. Mas moradores reclamam que ainda não tiveram seus telefones adaptados e continuam sem sinal.

O promotor diz na ação que a empresa “tenta coagir os consumidores a abandonar o serviço”, pois assim eles perderiam o direito à migração gratuita. A assessoria de imprensa da Oi disse que a empresa não se manifestará. Cabe recurso contra a decisão, de primeira instância.