`Operação Laços de Sangue´ caça os autores de mortes no interior


Foto: Bruno Gomes

Uma operação sigilosa do Ministério Público do Estado da Paraíba com as polícias do Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte, tenta prender, desde ontem, pelo menos, 95 pessoas acusadas de uma série de assassinatos no interior destes Estados. Todas são acusadas de envolvimento em crimes de vingança e pistolagem originada pela desavença entre famílias.

Batizada de ´Operação Laços de Sangue´, a ação das autoridades visa prender os criminosos responsáveis por cerca de 95 crimes de morte nos últimos seis anos. Sem dar maiores detalhes da investida, o MP da Paraíba promete conceder, hoje, uma entrevista logo mais para esclarecer os fatos.

Até a noite passada, o balanço da operação dava conta de que cerca de 15 das pessoas procuradas já haviam sido capturadas durante as diligências. A procura por foragidos se estendeu durante toda a madrugada desta quarta-feira. Diversas armas de fogo também foram confiscadas por ocasião do cumprimento dos mandados de busca e apreensão nas residências dos suspeitos, entre elas, revólveres, pistolas e espingardas.

O armamento apreendido deverá ser submetido a diversas perícias. É possível que, com os exames, sejam esclarecidos crimes de morte nos três Estados.

Crime

Um adolescente foi assassinado, na noite de ontem, no Conjunto Jereissati II, em Maracanaú. O garoto, de 15 anos, recebeu vários tiros. Os assassinos fugiram do local em uma moto preta. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), apura o assassinato.

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s