Mais mulheres mortas pelo tráfico no Ceará


Foto: José Leomar
Tiros de pistola disparados à curta distância mataram Norma Alves de Jesus, 38, na noite da última quinta-feira. O crime ocorreu dentro da casa da vítima, no Parque Leblon, comunidade localizada no Município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

Com a morte de Norma, subia naquele momento para 170 o número de mulheres assassinadas neste ano no Estado do Ceará. Mas a estatística da violência contra a mulher não parou por aí. Nas horas seguintes, mais dois crimes foram registrados na RMF. Na mesma noite, uma jovem, ainda sem identificação, que seria moradora de rua, foi executada, também a tiro, no Conjunto Jereissati I, em Maracanaú. Em ambos os casos veio a constatação. Cada vez mais, mulheres são executadas por envolvimento com o tráfico de drogas no Ceará.

Na tarde do dia seguinte, sexta-feira (9), a dona de casa Francisca Pereira dos Santos, 46, tornou-se mais uma vítima da intolerância, sendo assassinada com vários tiros de revólver calibre 32 pelo ex-marido, José Lucivaldo Pereira dos Santos, 43, na Estrada da Tangueira, em Pacatuba. Em seguida, ele tentou praticar o suicídio atirando no ouvido direito.

Lucivaldo segue internado no IJF, mas não corre mais risco de morte, segundo os médicos. Este foi um típico crime passional. O marido não se conformou com o fim do casamento.

Crescimento

Assim, faltando pouco mais de 15 dias para o fim do ano, o número de mulheres assassinadas em 2011 já apresenta um aumento da ordem de 12,4 % em comparação a 2010, quando 153 mulheres foram vítimas de homicídios.

Os números que apontavam o crescimento dos registros de assassinatos de mulheres no Ceará foram obtidos pelo Diário do Nordeste a partir do acompanhamento que é feito ininterruptamente dos casos de homicídios no Estado.

Números

O levantamento estatístico apontou ainda 105 casos em 2004, 118 em 2005, 135 em 2006, 93 crimes em 2008 e 136 em 2009. Em sete anos (de 2004 a 2010), nada menos que, 858 mulheres foram mortas no Estado. Somados aos 172 crimes deste ano, o total é de 1.030 homicídios.

Pesquisa divulgada na semana passada revelou que no Brasil, nos últimos dez anos, 42 mil mulheres foram assassinadas. E mais, 70 por cento dos casos ocorreram dentro do próprio lar, revelando que, até então, os crimes tinham como motivo a passionalidade. Mas, com o avanço do tráfico de drogas em todos os recantos do País, o cenário está mudando.

Fonte: Diário do Nordeste

One response to “Mais mulheres mortas pelo tráfico no Ceará

  1. Mulher que se mete com traficante tem mais é que se foder mesmo ! Que morram mais !

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s