CRIME BÁRBARO: APOSENTADOS TEM BRAÇO DECEPADO POR CAUSA DE 450,00 REAIS.


Um crime bárbaro que chocou os moradores do bairro JK, ocorreu na madrugada de 03/12, na cidade de Ji-Paraná.
Um aposentado de 72 anos de idade, foi vítima de roubo e durante a ação covarde dos criminosos, ele teve o braço esquerdo decepado por um facão.A PM agiu rápido e prendeu um suspeito.
Segundo informações da vítima, o aposentado Missias Braga da Silva 72, Na data do ocorrido, foi ao banco para receber sua aposentadoria de R$ 450,00 e após retirar o dinheiro, retornou para sua residência, que fica atrás da Escola Nova Brasília, no bairro JK.

Na madrugada 04/12, por volta das 02h30, o aposentado ouviu um barulho vindo da cozinha e ao verificar o que estava acontecendo, foi surpreendido por dois elementos. Eles estavam armados com um facão e começaram a espancar a vítima.
Durante o crime, os meliantes, em um ato de covardia, desferiram vários golpes de facão, atingindo a cabeça e o braço do aposentado. Depois, encontraram o dinheiro e fugiram do local, tomando rumo ignorado.

Vizinhos ouviram o pedido de socorro da vítima e acionaram a Polícia Militar. As guarnições de serviço, juntamente com o supervisor de área, SUB TEN Sobrinho, prontamente chegaram no local e se depararam com triste a cena.
O Corpo de Bombeiros também foi acionado e após prestar os primeiros socorros, conduziu a vítima para o Hospital Municipal, onde encontra-se internado em estado grave. Devido a seriedade dos ferimentos, o braço esquerdo teve que ser amputado.

SUSPEITOS PRESOS

Ainda na casa do aposentado, os PM’s receberam uma informação dando conta que os supostos criminosos estavam consumindo drogas em um “inferninho”, que existe próximo ao local.
De imediato, as guarnições cercaram o lugar e encontraram um menor de idade consumindo entorpecente. Ele apontou duas pessoas como sendo os autores do roubo. Uma delas foi identificada apenas como “Jojo”, e a outra como Adriano Caldeira.

Segundo o menor, a pessoa de Adriano Caldeira chegou no “inferninho”, na companhia do “Jojo”, dizendo que tinham feito um roubo.
Adriano Caldeira foi localizado na sua residência e negou as acusações. Ele foi conduzido até a delegacia, na posição de suspeito, para prestar esclarecimentos. O outro suspeito, não foi encontrado. Policiais Civis do Sevic da 2ª DP, foram acionados e investigam o caso.

Fonte: Comando 190/Ceará em Rede

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s