Juazeiro do Norte-CE: Júnior Tetéu foi morto com quatro tiros na cabeça

download
Demontier Tenório///(Foto: Cícero Valério/Agência Miséria)

José Aílton da Silva Júnior, de 18 anos, apelidado por Junior Tetéu, foi morto a tiros (Foto: Cícero Valério/Agência Miséria)
Aos 30 minutos da madrugada desta terça-feira mais um homicídio foi registrado em Juazeiro do Norte se constituindo no décimo do mês de março e 37º do ano. O jovem José Aílton da Silva Júnior, de 18 anos, era apelidado por Junior Tetéu e residia na Rua São Beneditio, 498 (Franciscanos). Ele pilotava uma moto Honda Bros 150 de cor preta e placa NUZ-2144, inscrição de Cedro (CE), pela Rua Rui Barbosa e na direção da Avenida Humberto Bezerra (Timbaúbas), quando foi surpreendido pelos disparos.

Dois jovens que trafegavam noutra motocicleta emparelhou com o veículo da vítima e o primeiro disparo o atingiu no tórax. Júnior Tetéu perdeu o controle de sua moto e bateu na grade de proteção de uma planta em frente a um imóvel quando se levantou e correu, mas foi perseguido e seus algozes continuaram disparando até vê-lo tombar morto após outros quatro tiros na cabeça do rapaz. Existem informações de que a vítima já estava sendo procurada por inimigos.

A polícia foi avisada e equipes do Ronda do Quarteirão comandadas pelo Sargento Arruda e o Capitão Marcus Alencar estiveram no local e até diligenciaram sem o êxito de encontrar os acusados. A vítima levava na garupa o menor J. A. A. C., de 17 anos, que foi socorrido para o Hospital Regional do Cariri com escoriações pelo corpo em virtude da queda da motocicleta já que não foi atingido pelos disparos.

HISTÓRICO – No dia 10 de junho de 2010 Júnior Tetéu tinha apenas 14 anos quando foi apreendido sob a acusação de furto na loja de um homem de 46 anos, na Rua São Benedito (Franciscanos) de onde levaram R$ 8 mil. Além dele, a polícia prendeu David Williams de Oliveira, de 18, residente na Rua Dom Pedro II (Franciscanos) e um menor de 16 anos, residente no Frei Damião, Na época, Tetéu morava na Rua Ernestina Sobreira (Pirajá) e foi recuperando com o trio apenas R$ 3.240,00 em dinheiro além de R$ 1.902,00 em roupas e calçados que tinham comprado.

No dia 21 de junho de 2012 foi registrada a tentativa de assalto numa tabacaria que funciona na Rua Senhora Santana, entre as ruas Leão XII e Pio IX (Bairro Salesianos). O proprietário reagiu entrando em luta corporal quando Tetéu sacou um revólver e atirou, mas atingiu foi o seu comparsa Bruno quando os dois eram ainda menores de idade. Ele abandonou a arma e fugiu em uma moto enquanto seu colega terminou socorrido para o Hospital Regional do Cariri pelo Subtenente Wladimir Carvalho.

Já no dia 31 de julho de 2012, dois jovens de 19 anos foram presos e dois adolescentes de 17 anos apreendidos na Avenida Padre Cícero (Salesianos) com cada dupla em uma moto e um revólver na cintura. Na época, foram identificados como Pedro Henrique Alves Batista Silva que trazia na garupa Erlânio Mendes de Sousa. A outra dupla era formada pelo menor apelidado por Júnior Tetéu e o adolescente igualmente de 17 anos F. W da S. D., com outro revólver calibre 38.

No dia 23 de novembro de 2012 um jovem e quatro adolescentes foram preso e apreendidos após o arrombamento a uma loja de equipamentos de som que funciona na Rua Noemia Cruz Landim (Santa Tereza). O grupo teria levado em mercadorias algo em torno de R$ 4 mil, segundo estimou o proprietário de 29 anos, que até conhecia um deles. Em meio ao quinteto estava Júnior Tetéu que, na época, negou envolvimento.

Enquanto isso no dia 30 de novembro do ano passado, Tetéu foi preso no cruzamento da Avenida José Bezerra com a Rua Belo Dourado (Pio XII), juntamente com Bruno Pereira da Silva. Segundo a polícia, os dois trafegavam em moto Honda CG 125 Fan KS de cor preta e placa OSH-7495, inscrição do Ceará e ainda tentaram fugir ao notarem a aproximação da viatura. Júnior Tetéu estava com um revolver calibre 38 tendo capacidade para seis cartuchos.
MAIS NOTÍCIAS: http://crato-noticias.blogspot.com.br/

One response to “Juazeiro do Norte-CE: Júnior Tetéu foi morto com quatro tiros na cabeça

  1. O interior está ficando tão violento quanto a Capital ! Também com a facilidade que a bandidagem tem para conseguir armas de fogo e munição …. o cidadão de bem enfrenta a maior burocracia do mundo para conseguir arma de fogo e munição . A bandidagem não enfrenta filas e paga taxas para deter a permissão para posse de armas de fogo ! Compra no Paraguai ou da polícia podre !

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s