Feriadão violento no Cariri com 21 mortes, sendo oito no trânsito, oito homicídios e quatro afogamentos

Demontier Tenório///(Foto: Cícero Valério/Agência Miséria)
111
Ednilson Flor quase era linchado após matar dois homens na tarde da Sexta-feira Santa em Juazeiro
O feriadão da Semana Santa acrescido do dia consagrado a Tiradentes deve ser esquecido em virtude da violência. Foram 21 mortes, sendo oito no trânsito, oito homicídios, quatro afogamentos e um caso de suicídio. Um levantamento feito pelo Site Miséria aponta a necropsia de sete corpos de Juazeiro, três de Crato, dois de Missão Velha, outros dois de Salitre e os demais de Milagres, Caririaçu, Barbalha, Mauriti, Aurora, Barro e Lavras da Mangabeira.

Considerando apenas o feriado da Semana Santa foram 15 mortes ou a mesma quantidade em relação a idêntico período no ano passado. Mais uma vez, superou o carnaval que, este ano, teve o registro de 12 mortes violentas no Cariri. Quanto ao feriadão como um todo, um corpo chegou ao IML de Juazeiro ainda na quinta-feira, seis na Sexta-feira Santa, três no Sábado de Aleluia, cinco no Domingo da Ressurreição e outros seis corpos nesta segunda-feira. Só em Juazeiro foram cinco homicídios.

Por volta das 15h30min de quinta-feira Ana Iris de Menezes Dias, de 19 anos, foi morta com nove facadas e um tiro em sua casa no Conjunto Habitat II em Milagres. O autor foi seu companheiro Samuel Almeida Sales, de 23 anos, o Samuel Petronildo, que é eletricista e fugiu numa moto que tomou de um homem que por ali passava. Ele vivia com outra mulher, tinha ciúmes de Ana e desconfiava de traições. A mãe da vítima disse que os dois discutiram quando Samuel esfaqueou Ana a qual tentou correr, mas tombou morta na calçada após tropeçar nos batentes.

Discussões e agressões eram comuns e o acusado já tinha passagens pela polícia por este motivo. Inclusive, em relação à sua outra mulher de iniciais F. D. S. O., de 15 anos, já tinha tentado matar a mesma e a mãe desta, Maria Geane da Conceição, de 35 anos, no último dia 26 de novembro no Conjunto Viver Bem. A menor saiu lesionada no tórax e a mãe no braço sendo socorridas ao hospital. Samuel reprovou o fato de uma cunhada ter feito uma representação criminal contra ele acusando-o de ameaças.

Por volta da 07h30min de sexta-feira Santa na CE-386 que liga Crato e Farias Brito, o funcionário da PVC, Glauton Fernandes de Oliveira, de 29 anos, que residia no bairro Frei Damião em Juazeiro, perdeu o controle de sua moto Honda CG 150 Fan de cor vermelha e colidiu violentamente contra uma placa de sinalização. Ele seguia para Farias Brito, sua terra natal, e tombou dentro do mato a uma distância de 15 metros da batida perto do Oiti Bar que funciona no Sitio Juá (Distrito de Ponta da Serra) em Crato.

Por volta das 13 horas, o auxiliar de serviços gerais Roberto Alexandre Alves, de 18, que residia no Vale do Amanhecer em Crato, morreu afogado no barreiro de uma propriedade denominada Doutor Paulo no bairro Vila Lobo. Militares do Corpo de Bombeiros removeram o corpo para um ponto mais próximo da pista já que se trata de um trecho de difícil acesso e não daria para o rabecão se aproximar. Amigos de Roberto disseram que ele tinha problemas de saúde e apresentava, vez por outra, quadros de convulsões. Antes de cair nas águas, teria gritado e terminou morrendo afogado, segundo banhistas que conseguiram chegar ate onde o mesmo se encontrava.

Por volta das 17h30min, na Rua Vereador Antônio Braz, perto da Escola Odorina Castelo Branco (Limoeiro), foram baleados Aldemir Francisco Gomes, de 37, e Jailson Alves da Silva, de 27 anos, sendo socorridos ao Hospital Regional, onde morreram. Aldemir era dono de um depósito de material de construção morava no bairro Timbaúbas e bebia no local onde foi alvejado com quatro tiros na cabeça, abdômen, nas costas e perto da virilha. Jailson residia no Limoeiro, foi alvejado com um tiro no olho e respondia por porte ilegal de arma de fogo. O homem marcado para morrer seria um irmão e sócio de Aldemir, no caso José Francisco Gomes, de 29 anos, por conta de suposto triângulo amoroso no passado.

A moto Honda Bros de cor preta caiu na hora da fuga, quando o piloto fugiu a pé pelo matagal. Já o autor dos disparos foi contido por populares que o espancaram após luta corporal com Zé Francisco que tomou seu revólver calibre 38 com seis cartuchos deflagrados. Ednilson Pereira Flor, de 34 anos, o “Chico Duro”, residente no Sítio Brejo Seco, foi socorrido ao HRC e, depois, levado à Delegacia, onde já responde inquéritos por dois homicídios, um porte ilegal de arma de fogo e disparo em via pública na Rua Joaquim Cruz (Pedrinhas) perto do Bar da Cajarana, quando tentou matar Cícero dos Santos, de 28 anos, residente no Aeroporto, que não foi atingido.

Dez minutos após André Dias de Lima, de 32, apelidado por “Zoião” que residia no bairro Santa Tereza, foi morto com dois tiros no peito e no pescoço quando passava na Rua Ladislau de Arruda Campos, perto da Serraria Andrade (Antonio Vieira). Ele respondia por crimes ambiental, posse ilegal de arma de fogo, violência doméstica e furto. Em agosto de 2011, no Sítio Santa Cruz (Vila Mirim) em Barbalha, André agrediu sua companheira e, no imóvel, foi encontrada uma espingarda socadeira. Já em setembro de 2013 ele matou dois filhotes de cães após arremessá-los três vezes no chão.

Por volta das 23 horas ainda da Sexta-feira Santa morreu no Hospital Regional do Cariri Gilson Peixoto da Silva, de 34 anos, que residia na Rua Virgínia de Mendonça, 144 (Bairro João Cabral) em Juazeiro do Norte. Ele foi socorrido ao HRC após se envolver em um acidente com sua motocicleta.

Por volta das 14 horas de sábado Cássio Rodrigues, de 15 anos, que residia na Rua São Mamede (Franciscanos) em Juazeiro, morreu afogado em um manancial do Sítio Açude Novo na zona rural de Salitre. O rapaz foi passar o feriadão na localidade onde moram parentes quando saiu para tomar banho e terminou resgatado das águas por um primo, sendo ainda levado para o Hospital de Campos Sales, mas já tinha falecido.

Por volta das 17 horas Antonio Geildo Gonçalves, de 21, praticou o suicídio atirando na cabeça. O fato aconteceu no Sítio Caboclo, distante 8 km para o centro de Caririaçu, cerca de meia hora após discutir com a namorada. Duas horas após morreu no Hospital Santo Antonio de Barbalha Tyago Mateus Fernandes Macedo, de 19 anos, que residia na Avenida Brasília no centro de Missão Velha. Às 17 horas, na estrada de acesso ao Distrito de Jamacaru naquele município, houve uma colisão de motos e o jovem foi socorrido com suspeitas de traumatismo craniano quando morreu.

Já por volta das três horas da madrugada deste domingo em um dos leitos do Hospital São Francisco o caminhoneiro José Elder dos Santos Bezerra, de 36, o Eldinho, que residia na Rua Hermes Lucas, 67 (Bairro São Miguel) em Crato. Por volta das 22 horas de sábado, trafegava em sua moto Yamaha YBR de cor preta pela Avenida Pericentral quando perdeu o equilíbrio batendo no canteiro central e caindo em trecho perto do Cemitério. Ele era irmão da jornalista Elizângela Santos do Diário do Nordeste.

Por volta das 21 horas, na Avenida Luiz Gonzaga, 940 (Bairro Malvinas) em Barbalha, Celso José dos Santos, de 39 anos, ali residente, foi assassinado por dois homens que chegaram em uma moto. Um deles o chamou pelo nome e quando a vítima saiu à porta foi surpreendida com sete tiros de pistola calibre 380. Celso ainda foi socorrido por populares para o Hospital São Vicente, mas já chegou sem vida. No local, a polícia encontrou diversas cápsulas calibre 380 deflagradas.

Cerca de 15 minutos depois, na Rua Francisco Martins de Sousa (Frei Damião) em Juazeiro, foi morto José Adauberto Silva dos Santos, de 18 anos. O único registro em seu desfavor era como usuário de drogas e o mesmo estava na calçada quando foi surpreendido pelos disparos que o atingiram no abdômen e cinco nas costas.

Já por volta das 23h30min ainda de domingo morreu no Hospital Santo Antonio de Barbalha, Dernival João Xavier, de 30, que residia na Avenida Brasília em Missão Velha. Foi outra vítima fatal da colisão de motos às 17 horas de sábado na estrada de acesso ao Distrito de Jamacaru na zona rural daquele município. No mesmo acidente, saiu ferido com escoriações pelo corpo Antonio Daniel dos Santos, residente na Rua Padre José Francisco o qual segue internado no Hospital São Vicente de Barbalha.

Perto de meia noite de domingo o comerciante Antonio Marcos Sá da Silva, de 31 anos, que residia na Rua Alexandre Torres (Bairro Alto Alegre) em Campos Sales, morreu em um dos leitos do Hospital Santo Antonio de Barbalha. No início da madrugada de um sábado, dia 12 de abril, ele retornava de uma festa em Salitre quando capotou o seu veículo Fiat na CE-187 à altura daquele município, sendo socorrido ao hospital com traumatismo craniano, onde faleceu.

Por volta das 12h30min foi encontrado o cadáver do aposentado Ivanildo Leite de Lima, de 71 anos, no interior de sua residência na Rua Manoel Américo, 256 no centro de Barro. Ele morava sozinho e há dois dias não era visto na rua quando sobrinhos desconfiaram e foram até o imóvel se deparando com o mesmo bastante inchado e exalando forte mau cheiro. Existem sinais aparentes de lesões à faca pelo corpo surgindo daí suspeitas de que tenha sido vítima de uma latrocínio.

Por volta das 15 horas, no Distrito de Buritizinho na zona rural de Mauriti, Gustavo Souza Fernandes, de 4 anos, ali residente, foi atropelado por um carro. Desesperada a mãe ainda socorreu a criança ao Hospital São José de Mauriti, mas esta já chegou sem vida. Segundo testemunhas, Gustavo brincava quando saiu correndo para atravessar a rua e foi colhido pelo veículo, cujo motorista tratou de ajudar no socorro à vítima. Por pouco, outra criança que correu atrás de Gustavo não foi atingida pelo carro.

Por volta das 15h30min a aposentada Francisca Saraiva de França, de 73 anos, morreu em um dos leitos do Hospital Santo Antonio de Barbalha. Ela residia na Rua do Poço (Bairro Araçá) em Aurora e, entre o final da tarde e início da noite de domingo, foi atropelada por uma motocicleta perto de sua residência. O piloto sofreu escoriações pelo corpo e está internado no Hospital de Aurora, enquanto a aposentada foi transferida ao hospital de Barbalha com suspeita de traumatismo craniano, onde faleceu.

Por volta das 16h30min, no Sítio Tabuleiro Alegre na zona rural de Lavras da Mangabeira, populares encontraram o corpo do agricultor Francisco de Assis Belo Costa, de 38 anos, boiando em um açude. A retirada do manancial foi feita por dois homens e familiares informaram à polícia que a vítima tinha saído de casa para pegar milho verde na roça, sendo que o balde com o milho estava dentro da água junto com Francisco o qual sofria de epilepsia.

Por volta das 17h30min em Juazeiro do Norte a criança Francisco Wallace de Souza Nunes, de 1 ano e 7 meses, tinha desaparecido e foi localizada dentro das águas de um poço no Sítio Amaro Coelho perto de sua casa. Quando soube, o pai Cícero Enomárcio Nunes Souza chegou transtornado na residência da sogra Maria Elaiva de Souza, de 55 anos, no bairro Carité, onde sua esposa estaria de passagem com a criança para socorrê-la.

Revoltado e responsabilizando sua companheira Natália Souza Alencar, ele desferiu um golpe de faca no braço da mesma e lesionou ainda sua sogra no pescoço quando esta partiu em defesa da filha. Elaiva foi socorrida às pressas para o Hospital Regional do Cariri, mas faleceu cerca de uma hora depois. Já a criança tinha sido levada pela mãe para o Hospital Infantil Maria Amélia Bezerra, onde já chegou sem vida e com aparentes lesões pelo corpo. Além do ferimento no braço, ela apresentava sinais de ter ingerido bebidas alcoólicas.
MAIS NOTÍCIAS: http://crato-noticias.blogspot.com.br/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s