PF confirma que Temer incentivou compra de silêncio de Cunha e Funaro


A Polícia Federal confirmou, em relatório final da Operação Cui Bono, que há indícios comprovando o envolvimento do presidente Michel Temer na compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha e do doleiro Lúcio Funaro.

Segundo a PF, Temer incentivou o empresário Joesley Batista a seguir com os pagamentos para Cunha e Funaro. A intenção é que ambos, mesmo presos, não firmassem acordos de delação premiada. O presidente da República também sabia sobre a corrupção de juízes e membros do MP, mas não comunicou às “autoridades competentes”.

Durante reunião no Palácio do Jaburu, Joesley Batista gravou o dialogo com Temer e chegou a afirmar ao presidente que “estava dando uma segurada” em juiz e que um procurador estava dando informação para ele. Temer, entretanto, não condenou os relatos de crimes e tampouco ordenou que fosse aberta uma investigação.

MAIS NOTICIAS: http://crato-noticias.blogspot.com/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s