Daily Archives: 8 de Julho de 2019

Caças da FAB interceptam avião com 500 kg de cocaína em Roraima


Piloto foi preso após pousar em uma rodovia – Aeronave e a carga de drogas foram apreendidas por PRFs acionados pela Força Aérea Brasileira

Avião pousou em uma rodovia BR-174 na cidade de Caracaraí em Roraima
Avião pousou em uma rodovia BR-174 na cidade de Caracaraí em Roraima

Dois caças da FAB (Força Aérea Brasileira) interceptaram neste sábado (6) um avião que transportava 500kg de cocaína em Caracaraí – Roraima.
Segundo a FAB, a aeronave, um Cescna C206 de prefixo PT-JSN, foi interceptada e recebeu orientações para pousar no aeroporto de Boa Vista, só que o piloto se recusou a seguir as instruções e fez um pouso forçado e sem autorização em uma rodovia da região.
O piloto pousou na rodovia BR-174 e em seguida abandonou o avião e tentou fugir. Ele e uma segunda pessoa que estavam no avião tentaram roubar uma moto e de esconder em uma área de mata.
Entretanto, agendares da PRF (Polícia Rodoviária Federal) conseguiram localizar e prender os dois, que foram levados para a Superintendência da Polícia Federal em Roraima, onde foram interrogados.
O piloto chegou a afirmar que a deixa teria sido embarcada no avião na fronteira com a Venezuela, mas se negou a dizer para onde levaria os 500 kg de cocaina encontrados dentro do avião e que foram apreendidos.
Segundo a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), o avião estava com a matrícula vencida e o certificado de aeronavegabilidade vencido desde 2001.
Ainda segundo a FAB, a ação que resultou na interceptação do avião fez parte de uma operação conjunta entre a FAB e os órgãos de segurança pública das regiões de fronteira do pais para “coibir voos irregulares nas regiões fronteiriças do Brasil”.

Droga estava em caixas enroladas em sacos de farinha dentro do avião
Droga estava em caixas enroladas em sacos de farinha dentro do avião

MAIS NOTICIAS: http://crato-noticias.blogspot.com/

Acidente com veículo da banda de Léo Santana deixa 2 mortos


Nas redes sociais, o artista lamentou a morte dos companheiros de equipe.

Duas pessoas morreram em um acidente envolvendo o caminhão da banda do cantor Léo Santana, na BR-116, em Itatim, neste sábado (6). Segundo o G1 Bahia, a informação foi confirmada pela assessoria do artista.

De acordo com uma nota divulgada pela produção do cantor na manhã deste domingo (7), as vítimas estavam em um caminhão contratado para o transporte de equipamentos da banda. As causas do acidente não foram informadas.

Segundo a ViaBahia, o acidente aconteceu por volta das 9h, na altura do km 523, quando o caminhão da banda bateu de frente com outro veículo do mesmo porte.

No Instagram, Léo Santana lamentou o ocorrido e comentou sobre a relação que tinha com as vítimas. Ele havia feito shows em Fortaleza e São Gonçalo do Amarante, no Ceará, na noite deste sábado (6).

“É muito ‘punk’ ter que trabalhar quando se recebe uma notícia ruim, drástica. Um caminhão da minha banda, da minha equipe, com duas pessoas que trabalhavam na equipe da gente acabou batendo de frente com uma carreta. Os dois vieram a falecer. Ter que trabalhar com isso na cabeça é muito forte, é muito punk. Fica meus pêsames para os familiares do Gustavo e do Nabo, que eram moleques que eu gostava demais. Que Deus conforte os corações de vocês”, disse o artista.
(Diário do Nordeste)

MAIS NOTICIAS: http://crato-noticias.blogspot.com/

Éverton já é o maior cearense da história da Seleção Brasileira


Natural de Maracanaú, atacante foi campeão da Copa América neste domingo (7) e se sagrou artilheiro, com três gols.

Atacante do Grêmio foi revelado pelo Fortaleza e se sagrou campeão com a Seleção em 2019.

A Copa América não teve o Ceará como sede, mas o Estado esteve bem representado pelo maior nome da competição: Éverton. Revelado nas categorias de base do Fortaleza, o atacante do Grêmio chegou na Seleção Brasileira como reserva, mas ganhou a titularidade, se tornou xodó da torcida, marcou na final contra o Peru no Maracanã e se sagrou artilheiro do torneio continental, com três gols.

Nas costas, o peso de assumir a idolatria de uma equipe distante da torcida mesmo jogando em casa. Dentro do time pragmático de Tite, foi o ponto fora da curva e fez valer a ginga brasileira nas quatro linhas: líder de dribles do torneio e dono de uma assistência para gol.

De personalidade tímida, Éverton se agigantou. Oriundo de uma família humilde de Maracanaú, o atacante se valorizou mil vezes em seis anos e, aos 23, entra para a história como o cearense que teve o maior destaque na história da seleção.

Em uma Copa América repleta de grandes nomes do futebol mundial como Coutinho, Messi, Suárez, James Rodriguez… Éverton foi a estrela de maior valia. Esperança que se renova, caminho que se pavimenta e um novo nome que começa a escrever uma trajetória rumo ao Mundial do Catar, em 2022.

Diário do Nordeste

MAIS NOTICIAS: http://crato-noticias.blogspot.com/