Category Archives: Sem categoria

Assaré-CE: Colisão de motos resulta na morte de um dos pilotos


Fonte: Miséria Demontier Tenório Foto: vandiass.blogspot.com
A colisão frontal de duas motocicletas por volta das 7 horas desta terça-feira na zona rural de Assaré, resultou na morte de um dos pilotos e três pessoas feridas sendo uma delas com fratura exposta na perna. Renato Costa da Silva morreu no local do acidente na estrada carroçável do Sitio Formiga naquele município. O mesmo pilotava sua moto Honda 125 de cor vermelha e placa do Ceará.

Ele sofreu traumatismo craniano devido ao impacto no solo em que bateu com a cabeça após o encontro dos veículos em uma curva. Renato trafegava na direção do Açude das Canoas e a outra moto uma Honda 150 de cor preta em sentido contrário. O adolescente de iniciais R. C da Silva, de 17 anos, sofreu uma fratura exposta no braço direito e uma lesão na cabeça.

Essa vítima foi socorrida por populares para o Hospital Nossa Senhora das Dores de Assaré. Na moto pilotada por Renato vinham outras duas pessoas na garupa no caso Raimundo de Souza e João Batista da Silva que sofreram apenas ferimentos leves e, igualmente, foram socorridos para o hospital de Assaré. Na noite de domingo, um choque de motocicletas resultou nas mortes do funcionário público Tiago Salustiano Dias, de 30, e do comerciante Aldivânio Farias Barbosa, de 25 anos, na CE-293 em Missão Velha.

CRATO – Por outro lado, morreu na tarde desta terça-feira na UTI do Hospital São Raimundo em Crato, o jovem João Sampaio de Alencar Moreira, de 21 anos de idade. No último sábado, ele trafegava em uma motocicleta pela Rua Diógenes Frazão (Bairro Seminário) naquela cidade quando foi abalroado por uma caminhonete D-20 guiada pelo comerciante Mozart Alves. A vítima foi socorrida pelo GSU do Corpo de Bombeiros para o hospital onde faleceu na tarde de ontem.

Missão Velha-CE: Corpo de Ciceu é sepultado em clima de comoção e tristeza


Fonte: Miséria Demontier Tenório Foto: Albanísio Fotografias
O corpo do suplente de vereador em Missão Velha e funcionário dos Correios de Juazeiro do Norte, Cícero Batista Xavier, de 41 anos, o Ciceu, foi sepultado em clima de comoção e tristeza no final da tarde desta terça-feira (06), no Cemitério São José em Missão Velha. Milhares de pessoas daquela cidade e quase toda região do Cariri, prestaram as últimas homenagens ao artista, político e funcionário público.

Antes do sepultamento, foi celebrada missa de corpo presente na Igreja Matriz de São José, com a presença de vários políticos, amigos e parentes.

Tão logo o site Miséria postou a notícia sobre o acidente que vitimou Cicéu, as mensagens não pararam de chegar de vários lugares do Brasil. Até as 21 horas desta terça-feira, a matéria já havia sido acessada por quase 30 mil internautas e cerca de 100 comentários demonstrando o quanto ele era querido.

SAIBA MAIS SOBRE O ACIDENTE

O acidente foi nas imediações da Usina Manoel Costa Filho na zona rural de Barbalha. Ciceu residia em Missão Velha e morreu na CE-293 entre àquele município e Barbalha. Ele trabalhava na agência dos Correios de Juazeiro para onde vinha em companhia da mulher, Jossane Márcia Gomes Quirino, de 35, e a filha Maria Natiane Quirino Xavier, de 15 anos.

As duas foram socorridas para o Hospital Santo Antonio de Barbalha e, depois, transferidas até o São Vicente. Ciceu morreu no local do acidente em que o Fiat Pálio vermelho, colidiu de frente contra um microônibus da Coopatarc que faz a linha Juazeiro/Distrito de Jamacaru em Missão Velha. Ciceu era Secretário Geral do PT e, em 2004, disputou a Prefeitura de Missão Velha.

Ele obteve 143 votos na disputa que envolveu ainda Washington Fechine, segundo colocado, e Gidalberto Pinheiro que venceu o pleito. Na eleição municipal seguinte foi candidato a vereador quando terminou sufragado por 270 eleitores ficando na quarta suplência da Coligação Missão Velha Diferente que reuniu além do seu PT, PMDB, PHS e PCdoB. Há 13 anos era funcionário dos Correios e se dizia cansado desse vai e vem diário entre Juazeiro e Missão Velha.

Chovia bastante na hora do acidente e, segundo o motorista do microônibus, Ciceu teria saído um pouco para a contramão de direção e o choque frontal foi inevitável deixando o Fiat muito estragado e atravessado na pista. O motorista disse que ainda tentou desviar descendo um tanto no barranco, mas não foi possível. A esposa dele, Jossane Márcia, trabalha no Colégio Objetivo em Juazeiro. Ciceu era ainda cantor e compositor e fazia parte da dupla Moreira e Morais.

LUTO OFICIAL – O prefeito de Missão Velha, Washington Fechine, decretou luto oficial no município pelo triste falecimento repentino de quatro filhos da cidade nas últimas 24 horas. Ele enviou nota à redação do Site Miséria externando o seu pesar e se solidarizando com as famílias dos missãovelhenses “nesse momento de dor e tristeza”. A nota se refere às mortes de Cícero Batista Xavier, funcionário dos Correios em Juazeiro, o Cicéu, reconhecido como um grande compositor e cantor da região. Em um outro acidente, de moto, faleceram Tiago Salustiano Dias, funcionário do Centro Administrativo e o comerciante Aldlânio Farias Barbosa. Também faleceu a missãovelhese Nilda Silva, que era agente de saúde e esposa do ex-vereador Aelho Vasques.

PRÓXIMO AO DIA INTERNACIONAL DA MULHER, MAIS UMA É MORTA BRUTALMENTE NA PARAÍBA.


O dia internacional da mulher será comemorado na próxima quinta-feira (8), mas os noticiários da Paraíba tem destacado vários homicídios contra a mulher. Na noite desta segunda-feira (5) uma jovem foi assassinada a tiros no bairro de Mandacaru, em João Pessoa.
Fabrícia dos Santos Marques, 22 anos, foi assassinada no meio da rua com dois tiros, que atingiram o peito e a cabeça. De acordo com informações de testemunhas, ninguém ouviu barulho de carro e acredita-se que os acusados tenham vindo a pé.

O crime ocorreu na comunidade Porto de João Tota em Mandacaru. O delegado Everaldo Medeiros da delegacia de Homicídio afirmou que ela andava com más companhias, por isso há grande possibilidades da execução ter sido motivada por drogas.
Nenhum morador da rua soube informar como o crime aconteceu.

A policia vai investigar a Fabricia tinha envolvimento com o tráfico de drogas. A pericia foi realizada pelo Dr. Ademar Roberto.

Fonte: PB 190

MAIS FOTOS: AVIÃO EXPLODIU NO AR E EX-DEPUTADO XAVIER NETO MORREU CARBONIZADO.


A assessoria do governo e do TCE confirmaram o que o Governo do Piauí cedeu um avião para enviar um perito da polícia civil e o major do corpo de Bombeiros para se deslocarem até o local. Cogitou-se a possibilidade do assessor jurídico do TCE seguir até o local do acidente também, mas o mesmo decidiu não seguir. Após perícia, os corpos devem ser trazidos para Teresina. Ainda não há definição de horário.
MORTES CONFIRMADAS

O comandante do policiamento do interior coronel Jaime Oliveira, confirmou, por volta das 12h45, que o acidente aéreo na cidade de Eliseu Martins realmente matou pelo menos três pessoas: entre elas, o conselheiro Xavier Neto e o auditor Jaime Amorim, ambos do TCE.

180GRAUS DEU EM 1ª MÃO

O 180graus foi o primeiro veículo de comunicação a divulgar a informação, dando em primeira mão às 10h30 que um avião caiu na cidade de Eliseu Martins, Sul do Piauí, através do correspondente no município Rafael Araújo. A reportagem confirmou a informação de que a aeronave pertencia a dois deputados estaduais e a um conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.

ERA DE XAVIER E DEPUTADOS

O avião era um avião monomotor de propriedade dos deputados Edson Ferreira (PSD) e Wilson Brandão (PSB) -que está licenciado e hoje é o secretário estadual de Governo do governador Wilson Martins (PSB)- e do ex-deputado e atual conselheiro do TCE-PI Xavier Neto. Este último estava dentro do avião, juntamente com um auditor do TCE, que era Jaime Amorim. Estavam a serviço.

XAVIER IRIA PARA PARNAGUÁ

Por volta das 7h da manhã desta terça-feira (06/03) Xavier e Jaime saíram do hangar que estava o avião, no Aeroporto de Teresina, zona Norte, para cumprir uma atividade oficial pelo TCE-PI na cidade de Parnaguá. Eles estavam prontos para ir nesse avião, que trata-se de um monomotor modelo Corisco. Desde as 10h, quando eles já deveriam ter chegado, amigos de TCE, parlamentares e familiares tentaram falar com Xavier e Jaime, mas não conseguiram. Por volta das 10h15 uma explosão pôde ser escutada por moradores do povoado Espingarda, 40km da sede da cidade.

AVIÃO CAIU NUMA REGIÃO DE SERRA

Como o avião caiu em uma região considerada de difícil acesso, numa serra entre as cidades de Eliseu Martins e Canavieira, a quase 500km da capital Teresina, pouco se sabe sobre o que realmente aconteceu. O 180graus acionou, além dos correspondentes nas duas cidades, autoridades da região. O presidente da Câmara de Eliseu Martins, vereador Marciano Pereira, disse à reportagem do Maior Portal do Piauí como populares na localidade viram tudo. O avião pode ter batido em uma serra ou explodido antes mesmo de bater. Pessoas na região acreditam que o avião teve problemas ainda no ar e depois bateu, explodindo em seguida.

VEREADOR CONTA QUE POVO OUVIU EXPLOSÃO

“Temos pessoas no local e disseram apenas que ouviram um barulho feio. Foi uma explosão. Pode ser que tenha batido numa serra, mas não há nada confirmado. A localidade é de difícil acesso. Muita gente daqui (de Eliseu Martins) foi para lá ver tudo de perto”, disse o vereador. Segundo informações dadas por Marcelo Dantas, filho da prefeita da cidade, o avião caiu numa região há 40 Km da sede do município, nas proximidades do povoado Espingarda. Os corpos de Xavier Neto, Jaime Amorim e do piloto ficaram carbonizados, como mostram as fotos abaixo. O piloto foi identificado como Edvaldo e seria do Maranhão. Na verdade o piloto que sempre andava nesta aeronave estava viajando fazendo um curso em São Paulo.

Texto: 180 GRAUS
Fotos: 180 GRAUS E MEIO NORTE

Juazeiro do Norte-CE: Menor acende velas para orar comemorando êxito em furtos e roubos bebendo cerveja


Fonte:Site Miséria Demontier Tenório Foto: Chinês
Um fato inusitado chegou ao conhecimento da polícia nesta terça-feira. Um adolescente de apenas 12 anos acendia velas para orar em gratidão a Deus pelo furto ou roubo bem sucedido. O problema é que em um curto intervalo de cinco dias ele foi apreendido duas vezes. Ontem, Tuquinha, como é apelidado, voltou a ser pego após roubar R$ 500,00 em dinheiro e cheques. Na última sexta-feira, ele e um comparsa com o apelido de Ratinho, de 11 anos, foram apreendidos no Cariri Shopping Center.

A dupla havia acabado de furtar R$ 4 mil e um celular do porta-luvas de uma Hilux de cor preta estacionada para abastecer em um posto de combustíveis da Avenida Padre Cícero. Do local, foram direto para o Shopping e estavam comprando muita coisa causando a desconfiança de um vigilante que ligou para a polícia. Ele achou as crianças muito maltrapilhas para estarem endinheiradas já tendo gasto R$ 805,00 em compras.

Tuquinha mora na Rua das Flores e nesta terça-feira foi apreendido na Avenida Nossa Senhora Aparecida com Odílio Figueiredo. Momentos antes, no Mercado do Pirajá, o garoto havia praticado roubo em um Box enquanto o comerciante apanhava algumas mercadorias no carro. Seu comparsa, provavelmente o Ratinho, distraiu o homem enquanto Tuquinha abordou a filha dele no estabelecimento ameaçando-a com uma tesoura. Do comércio, levou R$ 500,00 sendo R$ 100,00 em cheque.

Segundo o Tenente Guedes do Ronda do Quarteirão, no momento da abordagem, ele estava com apenas R$ 378,00 um celular e mais três chips. O cheque havia jogado fora. O garoto já havia comprado duas cervejas, uma carteira de cigarros, três velas e seguia para casa. Ele disse que, enquanto ora em gratidão a Deus costuma tomar uns goles de cerveja. A comerciante Maria Camila de Brito, de 63 anos, foi levada para a Delegacia por ter vendido bebidas alcoólicas a um menor de idade. Ratinho não foi encontrado.

Combate à dengue no Crato


Foto: Alex Pimentel
Cerca de 300 residências localizadas em vários bairros deste Município, receberam ouvitrampas, uma espécie de armadilha de captura do Aedes aegypti, mosquito causador da dengue. As localidades onde há mais focos do mosquito estão sendo alvo de uma pesquisa desenvolvida pela Secretaria de Saúde do Município para diagnosticar a quantidade dos tipos distintos da dengue na cidade. Cada ouvitrampa contém um recipiente com água limpa, onde o mosquito deposita suas larvas.

As armadilhas irão capturar larvas do mosquito. Através da coleta, o setor de endemias da Secretaria de Saúde pretende controlar a proliferação do Aedes aegypti na sua fase adulta. Após a coleta das larvas, todo o material será encaminhado ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), para a realização de estudos que desvendarão a tipologia do vírus.

O projeto é desenvolvido com recursos do Município em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado. Ao todo, 78 agentes estão coordenado a ação.

Busca

Depois de alocadas as ouvitrampas, os agentes de endemias retornam às residências, em um prazo de 10 a 15 dias, para buscar as larvas, antes que elas se tornem mosquitos. Na cidade, este ano, ainda não houve nenhum caso de dengue provocada pelo vírus tipo quatro e nenhuma pessoa morreu ainda vítima da doença.

O Crato está atualmente com índice de infestação de 2% para a dengue, no entanto, o Município já confirmou 187 casos. Na classificação da Secretaria da Saúde do Estado, a cidade recebeu a classificação de médio risco. No ano passado, a Secretária de Saúde realizou pela primeira vez a pesquisa com as ouvitrampas e conseguiu conter 15 mil larvas do mosquito. Agora, a meta é manter mesma quantidade de captura de larvas do inseto para evitar a proliferação do vetor de transmissão e buscar a diminuição da quantidade de casos da doença.

Em 2012, a Secretaria de Saúde espera alcançar o índice de infestação abaixo de 1%, não registrar óbitos e fechar o ano com menos casos de dengue.

Ampliação

Para o secretário de Saúde do Crato, Cícero França, a ação deve ser implantada em outros Municípios da região do Cariri. “Isso vai garantir o combate e a proteção em relação ao vírus causador da doença no Município. Essa é uma ação sem muitos custo e que pode ser realizada por outras Secretarias”, releva o secretário de Saúde do Crato.

O Município desenvolve várias formas de combate à dengue. Até agora, já foram realizados cinco ciclos de Ultra Baixo Volume (UBV), inseticida borrifado pelo carro fumacê, diversas ações de mobilização social, através da conscientização de moradores dos bairros mais populosos, de alunos das escolas públicas e em instituições.

Fonte: Diário do Nordeste

Barbalha registra suspeita de raiva humana em criança


O Hospital e Maternidade São Vicente de Paulo, em Barbalha poderá registrar, nos próximos dias, o primeiro caso de raiva humana deste ano no Ceará. O garoto de iniciais C.E.F. deu entrada na unidade com quadro clínico que indica a doença. O garoto já passou por exames para a confirmação da raiva, entretanto, o resultado final da analise ainda não foi concluído.

O menino, que tem nove anos e é natural da cidade de Jati, deu entrada no Hospital São Vicente de Paulo com um quadro de inquietação, febre e vômitos. Ele foi encaminhado pelo Hospital Geral de Brejo Santo e chegou com hipótese diagnóstica de meningite. No entanto, a equipe médica do hospital barbalhense afastou essa possibilidade.

A suspeita de raiva humana surgiu depois que os médicos foram informados que C.E.F. havia sido mordido por um animal silvestre, um sagui, há 30 dias. O garoto não havia realizado a prevenção da doença. Os profissionais solicitaram parecer de um neurologista e de um infectologista para que o tratamento fosse iniciado.

Amostras da saliva da criança formam encaminhadas ao Laboratório Central de Saúde Pública do Ceará (Lacen), onde serão realizados exames. O paciente está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica. O estado é grave, ele respira com a ajuda de aparelhos.

Para o tratamento, os médicos utilizam o método adotado em um caso similar que aconteceu em Floresta e foi tratado no Hospital Oswaldo Cruz, em Recife (PE). Em 2008, na capital pernambucana, Marciano Gomes, na época com 16 anos, foi a segunda pessoa no mundo e primeira no Brasil a sobreviver à raiva humana.

Fonte: Diário do Nordeste

Renata é a eliminada do oitavo paredão do BBB12


Com 66% dos votos, a mineira Renata D´Ávila, de 22 anos, é a oitava participante a deixar o “BBB12”. A estudante de psicologia foi eliminada nesta terça-feira (6), após ser indicada ao paredão com cinco votos da casa (Fael, Jonas, Fabiana, Kelly e João Carvalho) no último domingo (4). A mineira disputou a preferência do público com João Carvalho, que foi indicado pelo líder Yuri. Esta foi a segunda berlinda enfrentada por Renata, que derrotou Jakeline, no segundo paredão do reality.

No discurso de eliminação da sister, Pedro Bial comparou Renata à Leila Diniz, exaltando ambas pelo “comportamento livre”. Ao anunciar sua saída, o apresentador disse: “Vem, você merece passar o Dia Internacional da Mulher em liberdade, fora daí. Minha princesa, Renatinha”.

Ao sair, Renata soube do apresentador como os telespectadores julgaram suas atitudes fora do reality. “Queria te preparar para uma coisa: tem muita gente julgando você por ter ficado com três pessoas”, avisou o apresentador, questionando se ela achava errado ter se envolvido com os três brothers. “Não sei. É porque é cômodo, a gente está sendo visto, julgado. Quero ver alguém falar que em dois meses talvez não faria isso na rua”, respondeu a mineira.

Em entrevista concedida após sua saída, Renata negou ter se envolvido com três participantes. “Eu não fiquei com três caras. Com o Ronaldo foi só amizade, não rolou nada no edredom. Tem gente que confunde, eu brincava com ele”

“Safadinha”
Renata entrou no “Big Brother Brasil 12” com o apelido de “princesa” e chamou a atenção por ter terminado um noivado de dois anos para entrar no programa. Por falar de sexo abertamente e não reprimir seus desejos sexuais, Renata foi chamada de “safadinha” e “ninfomaníaca” pelos participantes.

Logo que entrou no reality, a estudante de psicologia foi notada por João Maurício e Rafa, mas se envolveu com o modelo Jonas, com quem ficou na primeira festa do programa.

Embora Renata mostrasse interesse em ter um namoro, o relacionamento ficou restrito às festas da atração. Jonas chegou a dizer que tinha se arrependido de ter ficado com a moça e a chamou de “boca de cinzeiro”, referindo-se ao hábito de fumar da sister.

Após desencantar-se de Jonas, Renata ficou interessada em Ronaldo e incentivou Monique a beijar o modelo para que “seu caminho ficasse livre”. Diante das investidas da mineira, que insistia em tentar viver um relacionamento, Ronaldo passou a repetir que “tinha uma pessoa lá fora”. Os dois chegaram a discutir por ciúmes durante uma festa, mas mantiveram a amizade até a saída do brother, apesar de terem dividido uma cama de solteiro durante boa parte de sua estadia na casa.

Com a eliminação de Ronaldo, Renata aproximou-se novamente de Jonas e os dois ficaram durante uma festa, abalando a amizade entre Monique e Renata.

O romance esfriou novamente, e Renata aproximou-se de Rafa. O casal, que havia trocado carícias sob o edredom, assumiu o relacionamento durante uma festa. Os dois passaram a dormir juntos, protagonizando cenas quentes sob o edredom. Ainda no confinamento, Rafa se declarou para Renata, dizendo que a amava.

O envolvimento entre os brothers não foi bem aceito pelos participantes do reality, que condenaram Renata por já ter se envolvido com Jonas e dividido a cama com Ronaldo.

Fora da casa, o romance também foi mal visto pelo público, que criticou Renata por se envolver com três homens diferentes. A ex-namorada de Rafa e o ex-noivo de Renata se uniram pedindo a saída do casal no Twitter.

Eliminado na sétima semana, Rafa disse que iria continuar o relacionamento com a mineira, mas chegou a admitir estar arrependido de ter traído a namorada.

Em sua passagem pela casa, a estudante de psicologia ganhou a liderança em uma ocasião e indicou Fabiana para ir ao paredão com Ronaldo, quarto eliminado do programa. Quando foi detentora do colar do anjo na sexta semana, Renata imunizou Rafa.

Fonte: UOL

Novas Panicats terão `carinha de bebê´, conta diretor do Pânico na Band


Alan Rapp, diretor do “Pânico na Band”, contou qual será o perfil das três novas Panicats do programa, que estreia dia 1º de abril. “Elas têm que ter carinha de bebê. Pode até ter uma barriga um pouco malhada, mas nada como Gracyanne Barbosa.”

O novo padrão estético das Panicats foi definido com base no gosto da audiência do programa, segundo o diretor, composta por adolescentes que preferem mulheres menos malhadas.

Rapp contou ainda que já selecionou duas, de 20 e 24 anos, e que tem até o dia da estreia para escolher a terceira. “Tô vendo mulher desde outubro.”

Sobre a saída da Rede TV!, Rapp se disse agradecido à emissora que os revelou, mas que faziam “milagre” com a verba semanal que recebiam para a produção do programa (metade do que terão na Band). O diretor disse ainda que recebeu tudo o que lhe era devido da Rede TV!.

A conversa aconteceu durante evento de lançamento da programação 2012 da Band, ocorrido na noite de terça-feira (6) em São Paulo. Além das novas Panicats, o programa terá novas sátiras, como do jornalista Bóris Casoy, feita pelo humorista Carioca. “Também continuaremos com as coberturas de festas, especialmente as dos globais, que o nosso público pede muito.”

O diretor descartou ainda qualquer tipo de concorrência com o “CQC”. Questionado se poderia haver algum tipo de intercâmbio entre os elencos dos dois programas, como participações em quadros um do outro, Alan Rapp disse que ainda está se familiarizando com a emissora e que, pelo menos por enquanto, “é cada um no seu quadrado”.

Fonte: F5

Soltos adolescentes acusados de matar professor em Fortaleza


Foto: José Leomar
Já estão novamente nas ruas de Fortaleza – representando real perigo para os cidadãos – os dois adolescentes acusados de participação direta na morte do pesquisador e professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), Vicente de Paulo Miranda Leitão, 46, morto durante um assalto no começo da tarde do dia 21 de setembro último, em plena Praça da Gentilândia, no Benfica.

Os adolescentes passaram apenas 135 dias recolhidos em um Centro de Ressocialização do Estado, cumprindo 45 dias de internação provisória e outros 90 por quebra da medida de liberdade assistida, esta última somente aplicada porque ambos já eram reincidentes (haviam cometido outros assaltos nos últimos dois anos).

Os acusados estão em liberdade desde janeiro último, mas a informação somente ´vazou´, ontem e foi confirmada, com exclusividade para o Diário do Nordeste, pelo juiz titular da Quinta Vara da Infância e da Adolescência de Fortaleza, Manuel Clístenes de Façanha e Gonçalves.

Segundo ele, a soltura dos adolescentes deveu-se ao fato de a Justiça não ter julgado o processo no prazo fixado pelo Estatuto da Criança e do Adolescente.

A lei determina que, a partir da apreensão em flagrante do infrator, o processo deve tramitar e chegar ao julgamento em 45 dias. Durante este período, o acusado permanece em internação provisória, caso o ato infracional (crime) seja considerado grave, como o delito de latrocínio (matar para roubar) do qual os dois são acusados.

Como não ocorreu o julgamento, o processo que estava tramitando na Terceira Vara da Infância e da Adolescência retornou para a Quinta Vara, esta última responsável pela fiscalização do cumprimento da medida sócioeducativa (pena). “Como constatei que eles teria praticado o ato infracional estando em liberdade assistida, apliquei mais 90 dias”, diz o magistrado.

Não julgou

Mesmo diante de mais 90 dias com os acusados fora das ruas, o processo não andou.

O juiz preferiu não comentar sobre o que teria emperrado a tramitação da Terceira Vara.

“O que posso afirmar é que uma série de fatores tem prejudicado a Justiça no julgamento dos processos no prazo estabelecido pela lei. Um deles, é a fase de digitalização de centenas de processos, que ainda está lenta, pois nem todos os servidores da Justiça ainda dominam a técnica. O outro problema diz respeito à demora na distribuição dos processos, já que o Fórum (Clóvis Beviláqua) continua em reforma. Por último, a falta de servidores”, diz Clístenes Gonçalves.

O crime

Os dois adolescentes foram apreendidos pela Polícia Militar poucas horas após o assassinato do professor. Um deles foi detido ainda em poder do veículo roubado da vítima (uma caminhonete L-200). Além dos dois menores, também foi preso, e já denunciado pelo Ministério Público, um adulto, identificado como Francisco das Chagas Neto, 22. Com acusados a Polícia também apreendeu a arma do crime, um revólver de calibre 38.

O professor e esposa foram atacados pelos criminosos quando chegavam na Praça da Gentilândia. Vicente de Paulo Miranda desceu de sua L-200 e deixou a esposa no veículo. Foi neste momento que os ladrões surgiram de arma em punho. O professor reagiu e foi baleado.

Fonte: Diário do Nordeste